expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

Carta a Quem Me Escreve


Existiram noites turbulentas... noites onde o sono se foi e onde a tristeza tomou o seu lugar.
Existiram noites em que meus olhos se focaram em algum lugar do teto do meu quarto, desiludidos e úmidos...

Vocês salvaram muitas dessas noites.

Sempre ouvi dizer que escrever é o mais próximo de magia que um ser humano é capaz de fazer e confesso que não poderia concordar mais... vocês realmente tem noção do que suas palavras são capazes de fazer?

Experimentei sensações, lugares, cheiros, gostos e sentimentos... experimentei novas peles com seus próprios dilemas e medos. Vi amores e desamores, perdas e recomeços pelos olhos que vocês me emprestaram...

Vivi muitas vidas mais do que aquela que me foi dada.

Encontrei o amor em sua forma mais pura nos olhos da Zoe, Camila. E também aprendi que deveria me esforçar a usar esse mesmo ponto de vista na minha própria realidade. Percebi pelos olhos dela que a vida pode ser tão, mas tão mais simples do que a fazemos ser... que nós somos aqueles que decidimos em que terreno construiremos nossas vidas, e que o amor é e sempre será a nossa única certeza.

Renata, você me ensinou como é bonito ver a paixão de um autor pela profissão, porque eu sei - e sou capaz de sentir a cada vez que nos falamos - o quanto você ama o que está fazendo e as pessoas que está tocando. Vou caminhar juntinho a você para ver até onde você irá... e acho que vou te perder de vista, porque você brilhará.

Cinthia... como falar dos seus livros sem ser levada por uma avalanche de sentimentos? Você me ensinou mais de uma vez sobre o poder do amor e que ele salva. Você mostrou toda a destruição que o ódio e a mágoa podem trazer mas através do Gabe e da Carol você também me mostrou a intensidade da luz que o amor é capaz de criar. Ler seus livros sempre é mergulhar fundo em um turbilhão de sentimentos antes de emergir na paz perfeita.

Simone, como explicar o que Uma Vida Para Sempre trouxe pra mim? Suas palavras tão profundas, sábias e sinceras me trouxeram outra perspectiva. Há uma beleza incrível na sua escrita, o tipo de escrita que me dá vontade de dar um exemplar de seus livros para cada pessoa pela qual tenho carinho. Amei cada página do seu livro e queria que ele não tivesse fim. Ansiosa para te ler mais.

Sofia, minha escritora querida e portuguesa. Há tanta, tanta poesia, magia, amor e beleza em cada página de Sorrisos Quebrados... mas também há tanta dor e perda a ponto de fazer o leitor perder o ar. Você arrebatou me coração com essa história de amor agridoce, cheia de luz e cor que me fez olhar cada uma das cicatrizes em mim de uma forma totalmente diferente... agora, através dessas pequenas rachaduras que em mim habitam eu sou capaz de ver frestas por onde escapam toda a luz que há dentro de mim. Uma luz que deve ser mostrada ao mundo. Paola, André e Sol sempre estarão em meu coração... eles e você efetuaram uma mudança, deixaram uma marca... e por isso e por todas as coisas, eu só sou capaz de agradecer!

Sei que citei apenas alguns dos meus autores parceiros, mas espero que todos aqueles que um dia me emprestaram seus pensamentos mais bonitos saibam o que fizeram por mim; obrigada por todas as palavras escritas.

E por tudo o que elas significaram pra mim.

2 comentários:

  1. hi dear,
    i'm a new follower of your cute blog, can you follow mine on my blog?
    https://amoriemeraviglie.blogspot.it/

    ResponderExcluir

Adoro comentários, então dê sua opinião e eu respondo aqui mesmo,certo?
E ah, claro, deixe o link do seu blog que eu vou retribuir a visita com todo o carinho ♥